Anos 90 em voga

Os games que marcaram a década, tornaram-se inspiração na internet.

Os anos 90 nunca estiveram tão em evidencia no mundo online como nos dias de hoje, a década que ficou marcada pelo o início de uma nova fase mundial, com a queda do muro de Berlin, presenciou o surgimento e a comercialização de novas tecnologias, como por exemplo, a nova geração de videogames com capacidade gráfica superior aos consoles anteriores, que apresentavam uma grande limitação gráfica visível em seus jogos, e não passavam de pequenos “borrões” em tela. Esses avanços tecnológicos marcaram a infância de quem hoje já passa da casa dos 20 anos.

A onda de Nostalgia ganhou força na internet, os antigos games são lembrados e relembrados no mundo online. Um exemplo disso é personagem “Mário” da Nintendo; criado por Shigeru Miyamoto em 1981, teve o seu auge na década de 90, com o lançamento do jogo “Super Mario Word”, para o console Super Nintendo; o encanador italiano, símbolo dos jogos da empresa, virou protagonista de várias charges, músicas e vídeos de sucesso na internet, inspirando até mesmo jovens que não viveram os anos dourados dos jogos em 2D. Os Personagens como o “Sonic”, “Bomberman”, “Alex Kid”, os lutadores do game “Mortal Kombat”, entre outros; engrossam a lista de sucessos dos anos 90 relembrados atualmente.

Paródia do filme “Bastardos Inglórios”, o vídeo mistura o enredo do trailer com a história do game “Super Mario Word”.

As trilhas sonoras dos famosos games também viraram “febre” na internet.

Porem não são apenas os heróis dos antigos games que são lembrados com saudades pelos seus fãs. Os lendários vilões também ganharam homenagens na internet, como “Browser” (o eterno arqui-inimigo do herói “Mário”) e o “Dr. Robotnik” (do game “Sonic”) por exemplo, são constantemente lembrados.

A dificuldade dos games deram origem a diversos vídeos.

Os sucessos da época também inspiraram jovens no Brasil.

Apesar do sucesso desses games, eles não tiveram tanto sucesso comercial nos anos seguintes. Os jogos do “Mário”, “Sonic” e etc. tiveram diversas continuações, porém os anos de glória ficaram mesmo só na memória de quem viveu as “aventuras” desses personagens na infância.

Fenômenos de nostalgia como este não são característicos apenas dessa geração. Algum tempo atrás, era comum glamourizar os anos 80. Quem sabe, poderemos ver as próximas gerações relembrando os “velhos” jogos medievais ou de guerras intergalácticas, cheios de magia sangue e tiro; com o sentimento de que “não se fazem mais jogos como antigamente”.

Share

Arthur Nunes

Aluno do curso de Jornalismo da UNIMEP. E-mail: thur_nunes@hotmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*