Em São Pedro, 1,2 mil famílias recebem visitas para inclusão em programa estadual

Na cidade de São Pedro, entre os dias 20 de julho e 20 de agosto, equipes da Secretaria de Saúde e Desenvolvimento Social realizaram visitas a 1,2 mil casas, em cumprimento a etapa chamada Busca Ativa do Programa São Paulo Solidário, que significa levar o Estado ao cidadão, sem esperar que as pessoas mais pobres cheguem até o poder público. É uma atividade realizada pelo programa de São Paulo e desenvolvido pelo governo do Estado.

De acordo com a assistente social e gestora do projeto, Ana Cecilia Martirez, 23 visitas não foram completadas por falta de documentação dos moradores. “Apesar do frio e da garoa, na primeira semana de trabalho atingimos nossa meta e conseguimos completar 1.186 visitas no bairro rural e urbano”, explica a assistente social. Ana destaca que os questionamentos foram sobre a renda financeira, nível de escolaridade, habitação, condições de saúde e higiene da residência.

Um dos bairros de São Pedro que receberam visitas do Busca Ativa (Foto: Caroline Metler)
Um dos bairros de São Pedro que receberam visitas do Busca Ativa (Foto: Caroline Metler)

 

Com o resultado do material coletado pelas equipes que realizaram as visitas, o governo pretende dar mais referências sobre a pobreza e a ausência de renda entre as famílias em todo o Brasil. Em São Pedro, atualmente, cerca de mil famílias são beneficiadas pelo programa Bolsa Família, que beneficia famílias em situações de pobreza. Mas cerca de duas mil estão cadastradas e esperam formas de ajudas financeiras.

O questionário no índice da pobreza multidimensional do programa das nações unidas para o desenvolvimento será usado pela Fundap (Fundação do Desenvolvimento Administrativo do Estado de São Paulo), e com isso fará um retrato social da cidade de São Pedro. Esse índice da pobreza são das famílias que têm renda de R$ 2 mil e têm problemas com casos de analfabetismo, problemas de saúde e higiene dentro de casa.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*