Festa em Santa Bárbara viaja pela culinária de vários países em três dias

Post By RelatedRelated Post

Barraca da China, representada pela rede Feminina de Combate ao Câncer

A prefeitura de Santa Bárbara D’ Oeste promoveu a 27ª edição da Festa das Nações, evento anual que já faz parte do calendário oficial da cidade e tem como objetivo arrecadar fundos para entidades filantrópicas.

Nesse ano, doze entidades participaram da festa nos dias 7, 8 e 9 de outubro. O esquema é o mesmo a cada ano: cada entidade representa a culinária de um país e vende para os frequentadores do evento os pratos. A receita é revertida para as instituições de caridade.

A administração da cidade colabora na estrutura do evento, como a segurança, a escolha e preparo do lugar da festa, a divulgação, entre outros temas. Mas cada entidade fica responsável pela própria barraca, controlando a entrada e saída de dinheiro e a preparação dos alimentos.

Entre os pratos mais cobiçados, estava o bolinho de bacalhau português, o creme russo, o arroz com lentilha e carne moída, o estrogonofe de carne, a galinhada, o tutu de Feijão, entre outros. Cada barraca teve o próprio jeito de atrair os clientes. Chamou atenção da reportagem a receptividade da barraca do vereador de Santa Bárbara Danilo Godoy (PSDB), que representou a Creche João Paulo II. “Passamos a meta de 250 refeições”, afirmou Godoy, que serviu comida mineira representando o Brasil.

 

 

Na área da música, o destaque foi a banda “Fresno”, mas também houve espaço para apresentações de companhias de danças, música erudita, orquestra de violas, música country, além de atrações como o cantor Luiz Ayrão e o músico Mazinho Quevedo. Na área da dança, o destaque ficou por conta de doze casais de jovens (crianças e/ou adolescentes), que abriram e fecharam o evento, representando os países da feira.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade e uma das organizadoras da festa, Ana Lúcia Luz, disse em entrevista à reportagem que “apesar da chuva ter atrapalhado um pouco, a festa foi um sucesso”. Luz afirmou ainda que o público foi de, aproximadamente, 70 mil pessoas. A expectativa da organização era de receber 180 mil pessoas nos três dias de festa. No mesmo final de semana aconteceu uma festa parecida em Nova Odessa.

Segundo Ana Lúcia, o número de funcionários públicos que participaram do evento é perto de 400, e o evento começou a ser planejado no mês de abril pela prefeitura. Informações como a arrecadação do evento e o investimento público ainda não foram divulgados.

Mesmo com o aparente sucesso, ocorreram alguns incidentes isolados, como o incêndio de um tacho de óleo na barraca russa, que queimou levemente uma pessoa; e uma queda de um funcionário público de quatro metros e teve um dente quebrado.

Entre as reclamações das eq1uipes das barracas, a mais recorrente foi a de que a prefeitura não divulgou corretamente a festa, o que foi contestado pela prefeitura, por meio da assessoria de imprensa: “Imprimimos e distribuímos milhares de panfletos, banners, sinalização, propaganda e rádio na TV, além de montarmos uma estrutura do canal local da TV Cultura que permitisse transmissões ao vivo durante toda a festa”.

Apesar das reclamações, teve gente que gostou muito da festa, como a empresária barbarense Evânia Coutinho:

Ao visitar o local, a reportagem se deparou com um ambiente tipicamente brasileiro. Misturando Itália, Estados Unidos, Argentina, Brasil, Espanha, Síria, Inglaterra, China, Alemanha, Portugal, Samba, Pagode, Moda de Viola, pop/rock e vários outros elementos culturais, pode-se dizer que a Feira das Nações de Santa Bárbara d’ Oeste é um das festas internacionais mais brasileiras de todas, pois reúne diversas culturas em um mesmo local, assim como o Brasil.

Share

Saulo de Assis Saes Neto

Graduando em Comunicação Social: Habilitação em Jornalismo pela Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP). Contato: neto03@gmail.com

3 COMENTÁRIO

  1. Matéria nota 10!

    • Ole1 Danielle,Como vai? Esperamos que vc e seu filho estejam bem.Os varelos dos convites sao:AUD$10,00 compra antecipadaAUD$15,00 convites na portaCriancas ate 10 anos nao pagam Vc encontra convites na Australian Centre segue os contatos:Unit 16/1020 Wellington St.West Perth WA 6005Tel/Fax: 61-8-9321-2444Cel: 61-430-319-983Segunda e0 Sexta das 09:30 e0s 17:30Um forte abraco,Equipe Australian Centre Perth

  2. Adorei!
    Voce merece nota 1000
    É o meu repórter preferido
    Beijo Neto
    Sucesso, que voce merece!!!!!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Email (will not be published)

*