Igreja Batista Nova Aliança inaugura casa de recuperação em Capivari

Post By RelatedRelated Post

“Na faculdade eu vi uma estatística na área de dependência química que de cada cem internos, cinco conseguem se recuperar nos primeiros dois anos, depois de dois anos esses cinco recaem, o que quer dizer que estatisticamente  o resultado é zero”, contou o pastor e psicólogo Alexandre Jordão. Porém, a realidade dos jovens que realizaram o tratamento na Igreja Batista Nova Aliança, em Rafard, era diferente, 80 % deles se recuperavam totalmente. E foi essa constatação que levou a IBNA a abrir a Comunidade Terapêutica Nova Aliança.

O foco da comunidade terapêutica é dependência química, e os internos chegam por meio da prefeitura, que muitas vezes os recolhem das ruas, ou através da família. Hoje há 20 internos, mas a capacidade inicial do projeto é para 30 pessoas, podendo se estender futuramente a 90. O programa conta com profissionais voluntários que atuam como psicólogos, médicos, personal trainer, professores de educação física, terapeutas ocupacionais, oficineiros e técnicos em dependência.  “A maior dificuldade que enfrentamos é a financeira” ressalta Alexandre.

Desde a ideia para o projeto surgir até ser posta em prática não se passou muito tempo. As instalações para a Instituição foi rapidamente encontrada. Um lugar que tem contato com a natureza, proporcionando assim a laborterapia, que é o tratamento de enfermidades nervosas e mentais através do trabalho. “Parte da terapia é voltada para que eles deem vida a alguma coisa. Porque até então tudo o que eles produziram foi destruição. Precisamos devolver esses valores a eles, precisamos ter então um local adequado”, conta o psicólogo e também pastor Alexandre.

Um corpo técnico de qualidade e que atenda a todas as necessidades dos internos demanda uma quantia de dinheiro muito grande, por isso estão buscando convênios com o Estado e a Prefeitura de Capivari. Uma central de doações também está sendo montada. No entanto, hoje, a maior colaboradora é Igreja Batista Nova Aliança, que é quem financia quase todo o projeto.

Em Capivari, além da Comunidade Terapêutica, a IBNA possui um Centro de Convivência para Adolescentes num bairro carente. E espalhados pelo mundo têm outros projetos sociais como: escolas de futebol na Índia e no Peru; escolas na Guiné Bissau e Senegal. Ainda em Senegal, a Igreja é responsável por um Centro de Saúde, a única rede de saúde numa região de 400 mil habitantes. “A igreja evangélica hoje é mal vista por culpa dessas outras igrejas que têm um capital, um acúmulo de dinheiro muito grande e nada fazem além de gastar com eles mesmos. A igreja evangélica tem como premissa isso, ajudar o mundo, nós não jogamos a culpa no governo, no sistema, apenas fazemos a nossa parte”, finaliza Alexandre.
Mais informações você encontra no site do Instituto Maida de Desenvolvimento Humano: http://www.institutomaida.com

 

Share

3 COMENTÁRIO

  1. Parabéns pela matéria! Muito bem escrita. Adorei

  2. Boa noite, confio no trabalho de vçs, e torço por todos aqueles que querem a recuperação, tanto no álcool como nas drogas, até logo…
    Carton / Campinas-SP

  3. Boa tarde, gostaria de saber como faço pra interna meu irmão, e qual a cidade .
    Obrigada.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Email (will not be published)

*