Previsto novo atraso para obras da Rodovia Geraldo de Barros

24
Andamento das obras na Rodovia Geraldo de Barros. Foto: Débora Bontorim.

No início de setembro, o DER (Departamento de Estradas de Rodagem) informou um atraso mínimo de 7 meses para o término das obras que prometem a duplicação e melhorias na Rodovia Geraldo de Barros, no trecho que liga Piracicaba a São Pedro. O motivo é uma “necessidade de readequação do cronograma de serviços em execução”, segundo o órgão.

Com recursos do governo estadual, o DER conta com um projeto orçado em R$54, 6 milhões para promover melhorias na Rodovia Geraldo de Barros (SP-304), que liga Piracicaba a São Pedro. As obras, divididas em dois lotes, iniciaram com 6 meses de atraso, em agosto do ano passado, e tinham o prazo de um ano para sua finalização.

O lote 2 inclui melhorias no asfalto e acostamento do km 189 ao km 191,9 e do km 194 ao km 198,4, trecho que liga Águas de São Pedro a São Pedro e foi concluído dentro do prazo estipulado, em março deste ano. Segundo o governo estadual, essas obras custaram R$10,1 milhões.

Já as intervenções no lote 1 incluem melhorias no asfalto e duplicação da rodovia entre os quilômetros 179 e 189, trecho que liga Piracicaba a São Pedro, ao custo de R$44,5 milhões, e estão atrasadas. O DER divulgou em nota que a obra ganhou um “aditivo de prazo” devido à “necessidade de readequação do cronograma de serviços em execução”. Agora a previsão de entrega foi prorrogada para março de 2016, segundo o órgão.

A rodovia sempre foi palco de muitos acidentes, mesmo antes do inicio das obras. Por ela trafegam, por dia, cerca de 12, 8 mil veículos, segundo o DER. “É muito pouco sinalizado, e a pouca sinalização existente é ruim, o que faz com que os motoristas se percam na pista”, conta Eunice Dias Ferreira, moradora próxima da rodovia que faz o trajeto com frequência. “Além da falta de sinalização, a estrada está em péssimas condições”, completa Eunice.

O motorista de van, Carlos Fernando, que leva alunos de São Pedro a Piracicaba também reclama da falta de sinalização “as obras atrapalham muito o trafego. Os trechos são mal sinalizados, o que torna nosso trajeto muito perigoso”.

Rodovia Geraldo de Barros. Foto: César Fontenele – EPTV.

 

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*