Salão Internacional de Humor completa 40 anos

O Salão Internacional de Humor de Piracicaba abriu as portas ao público no dia 24 de agosto. Durante a cerimônia de abertura houve premiação dos artistas selecionados pelo júri e presença de figuras importantes, como o prefeito e vereadores, já que o evento é realizado pela prefeitura, por meio da Semac (Secretária da Ação Cultural).

O Salão Internacional de Humor surgiu em 1974, quando a população ainda sofria a opressão da ditadura militar, com a atitude ousada de homens como Millôr Fernandes, Jaguar, Fortura, Henfel, Ziraldo, Zélio e Paulo Francis, responsáveis à época pelo jornal “O Pasquim”.

Este an0 o evento alcançou o recorde de 4.180 obras inscritas, de 966 artistas gráficos de 64 países, contra 3.442 obras de 845 artistas de 64 países no ano de 2012. O júri de seleção, que teve a difícil missão de escolher esses trabalhos, é formado pelos cartunistas Pryscila Vieira, Natália Forcat, Gilmar, Lucas Lubholz e Paulo Branco, pelo ilustrador Rafael de Latorre e pelo professor universitário Celso Figueiredo Neto.

Os temas do salão são divididos em dois grupos: tema livre ou específico. No tema livre o artista pode mandar trabalhos sobre qualquer assunto, já no tema específico, o artista manda trabalhos sobre um tema que muda todo ano. Há quatro anos o salão adotou essa divisão, se baseando em outras exposições. No ano de 2010 o tema específico foi meio ambiente, em 2011 foi alimentação, em 2012 foi intolerância e este ano é futebol. Além da divisão em cartum, caricatura, charge e tiras/HQ.

“Temas específicos, datas, local, júri de seleção e eventos paralelos, é tudo escolhido pela comissão organizadora”, diz Eduardo Grosso, diretor do salão de humor. Ele ainda cita que humor e crítica é uma ótima combinação, já que os assuntos são tratados como piada pelo humor e com acidez da crítica.

O Salão Internacional de Humor não traz apenas exposição dos 442 trabalhos selecionados, durante os três meses de exposição traz também eventos paralelos para público em geral, como oficinas, palestras, lançamentos de livros, teatros e muito mais.

O evento vai até o dia 20 de outubro, funcionando das 14 horas às 18 horas, durante a semana, e das 8 horas às 20 horas nos fins de semana. A entrada é franca. O Salão fica no antigo Engenho Central (Av. Dr. Maurice Allain, 454, Parque do Engenho Central). Telefone para contato e maiores informações: (19) 3403-2620.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*