Calçada na Avenida Comendador Luciano Guidotti oferece risco aos pedestres

Na avenida Comendador Luciano Guidotti, entre o estacionamento da Pizzaria For Len e a loja Gato de Boné, há uma área em que a calçada representa perigo aos pedestres. Por ela ser estreita, ter três postes de energia elétrica no meio dela e estar cheia de falhas e buracos, as pessoas precisam se contorcer, transitar pela rua ou ir até o outro lado da avenida.

essa !
Dois postes instalados lado a lado impedem passagem segura, como aconteceu com Luiz Carlos Longatto – Foto: Rodrigo Alonso

Liceu Rasera, 72, morador da casa que fica em frente ao poste mais largo, afirmou que deficientes físicos, cadeirantes e idosos nem tentam andar por essa calçada, mas ele mesmo já está acostumado, ainda que não consiga percorrer pelo trajeto de forma segura. Porém, isso não quer dizer que esse fato nunca o incomodou. Segundo ele, a CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz) já deixou de entregar a conta do pagamento de energia elétrica em sua residência alegando que o domicílio não possui numeração, contudo ela foi escondida pelo poste que empresa instalou há poucos anos.

essa 1
As falhas na calçada exigem mais atenção dos pedestres – Foto: Rodrigo Alonso

“O problema de calçada estreita existe há muito tempo, devido à geometria da via e da construção das casas. Só será resolvido quando for executada uma remodelação viária no local, por exemplo, a redução da largura da faixa de rolamento. Não existe previsão no momento”, esclareceu a assessoria de imprensa da prefeitura. Contudo, Rasera contou que, antigamente, seu pai tinha um grande terreno naquela região, e este foi reduzido para aumentar o trecho de passagem dos carros.

Luiz Carlos Longatto, 59, sentiu as dificuldades que a calçada oferece quando a atravessou. “[A calçada] é perigosa porque ela tem o poste, e para você atravessar o poste, você tem que sair na rua. Na rua, você está sujeito a um carro vir e te atropelar. Então acho que devia tomar uma solução para isso daqui, é perigoso. Pessoas de idade não conseguem fazer o que eu fiz agora”, disse ao ser obrigado a passar pela pista para desviar do poste.

Vale ressaltar que, para instalação de postes de energia elétrica, a CPFL não necessita de autorização da administração municipal, e se a prefeitura remover algum deles, precisará pagar à empresa. Mesmo assim, caso o munícipe se depare com esse tipo de caso e queira fazer uma reclamação, solicitar algum serviço ou adquirir informações, ligar para o Serviço de Informação à População (156).

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*